Skip to content

CANONIZAÇÃO DOS SANTOS

January 18, 2009

O site católico traz http://www.veritatis.com.br/apologetica/imagens-santos/ traz a seguinte informação sobre a canonização de santos:

“Biblicamente, onde encontramos “canonização de santos mortos”, que desde o ano 995 D.C. faz parte da doutrina católica?
A canonização dos santos é tão somente o reconhecimento por parte da Igreja de que uma pessoa está no céu.
Ora, será que os apóstolos não criam que depois da morte e ressurreição de Cristo, os patriarcas e profetas estavam no céu, na presença de Deus?
A própria Escritura dá testemunho de que Abraão foi considerado justo pelos apóstolos (cf. Rm 4,3-9; Gl 3,9; Hb 6,15; Tg 2,23). Este reconhecimento de que Abraão estava no céu com Deus é um exemplo de canonização na própria Escritura e já na era apostólica.
Outro exemplo que podemos citar na própria Escritura é a canonização de Estevão. Diz a Escritura que era homem cheio do Espírito Santo (cf. At 6,8). Quando foi martirizado em nome da Fé em Cristo, viu a Glória do Cristo e pediu ao Senhor que recebesse o seu espírito (cf. At 7,55-59). Será que Estevão não foi para o céu? Claro que sim! E foi considerado santo pelo próprio apóstolo Paulo (cf. At 22,20), que assistiu a pregação de Estevão e corroborou com a sua morte. E o bom ladrão que reconheceu Cristo como seu Salvador e que o próprio Senhor lprometeu levá-lo ao paraíso (Lc 23,43), por acaso não é outro exemplo de canonização feita pela própria Escritura?”

Vemos um texto de pura fraude e sofisma. Primeiro porque a Igreja católica não pode garantir exatamente quem vai e quem não vai para o céu. No texto acima foi citado alguns ilustres personagens da Bíblia, mas o que se dizer de centenas de santos católicos? Em segundo lugar o fato de alguém ter alcançado a salvaçao e ter obtido a graça divina de entrar no céu, não le confere poderes divinos, proprios dos atributos exclusivos de Deus, como a onipotencia e oniciencia. Pois o fato de alguém ser santo (santo significa – separado do mundo para o serviço de Deus)não lhe confere de ter atributos divino como escutar a oração de milhares ou milhões de pessoas ao mesmo tempo. Em terceiro lugar, as Escrituras Sagradas dizem que os mortos já não tem parte alguma na vida dos vivente.

Por isso toda a doutrina da canonização de santos, é na prática um culto de idolátria, e divinização de homens.

Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: