Skip to content

HISTÓRIA DO CATOLICISMO

January 18, 2009

A IGREJA QUE CRISTO FUNDOU NÃO FOI NENHUMA ORGANIZAÇÃO COM UMA PLACA NA PORTA IDENTIFICANDO-A, COMO ASSIM PRETENDE ADVOGAR A IGREJA CATÓLICA ROMANA, VISTO SER ESTA UMA DAS ORGANIZAÇÕES CRISTÃ MAIS ANTIGA DO MUNDO.


a igreja de Cristo é invisível, espiritual, não física, material, organização humana

REALMENTE NOS PRIMEIROS SÉCULOS A IGREJA CONSERVAVA MUITOS DOS ENSINOS DE CRISTO POR ISSO OS QUE ERAM FIÉIS A ESTES ENSINOS ERAM SALVOS, PORQUE OS HOMENS SÃO SALVOS DE ACORDO COM A SUA DECISÃO PARA COM JESUS E NÃO SE ELES FAZEM PARTE DESTA OU DAQUELA ORGANIZAÇÃO.

VOCÊ PODE PARTICIPAR A IGREJA EVANGÉLICA MAIS AVIVADA DO MUNDO, MAS SE NÃO SEGUIR OS ENSINAMENTOS QUE DEUS NOS REVELA EM SUA PALAVRA VOCÊ NÃO SERÁ SALVO.

LUCAS 17.20-21 EXPRESSA BEM ESTA VERDADE:

“Interrogado pelos fariseus sobre quando havia de vir o reino de Deus, respondeu-lhe, e disse: O reino de Deus não vem com aparência exterior, nem dirão: ei-lo ali; porque eis que o reino de Deus está entre vós.”

É VERDADE QUE O CATOLCISMO DE HOJE ESTA LONGE DE DEUS, MAS NO COMEÇO QUANDO A IGREJA ERA SÓ IGREJA MESMO, E NÃO HAVIA “sobrenome”, TIPO: IGREJA ORTODOXA, IGREJA LUTERANA, IGREJA CATÓLICA E ETC…

ANTES DESTA ÉPOCA AS COISAS ERAM DIFERENTES, MAS INFELIZMENTE COM O PASSAR DOS SÉCULOS ELA FOI ABSORVENDO MUITO DO PAGANISMO ATÉ QUE ELA VEIO A SER MAIS CATÓLICA APÓSTOLICA ROMANA DO QUE IGREJA.

ALGUMAS FACETAS DA HISTÓRIA DO CATOLICISMO QUE IRERMOS ESTUDAR

1 – A IGREJA NO IMPÉRIO ROMANO ( 28-313)
2 – A UNIÃO ENTRE A IGREJA E O ESTADO ( 313-395)
3 –A DIVISÃO DO IMPÉRIO E DA IGREJA ( 396-476)
4 – O IMPÉRIO ROMANO OCIDENTAL É EXTINTO ( 476-590)
5 – INICIA O DOMÍNIO TEMPORAL DO PAPA ( 590-869)
6 – AUMENTA A SEPARAÇÃSO DA CATÓLICA ORTODOXA E CATÓLICA ROMANA (869-1054)
7 – O APOGEU DO PAPADO ( 1054 – 1294)
8 – O DECLÍNIO DO PODER PAPAL ( 1294-1304)
9 – O CATIVEIRO BABILÔNICO DO PAPADO ( 1305-1377)
10-O CISMA PAPAL (1377-1447)
11-A RENANSCENÇA ( 1418-1503)
12-A REFORMA E A CONTRA-REFORMA (1503-1644)
13-A ERA MODERNA (1644-1900)
14-A ATUALIDADE (1903- )

1 – A IGREJA NO IMPÉRIO ROMANO ( 29-313)

NESTA ÉPOCA A IGREJA CRISTÃ CATÓLICA ( A PALAVRA CATÓLICA SIGNIFICA UNIVERSAL ) MANTINHA-SE PURA APESAR DE SURGIR AQUI E ACOLÁ CERTAS HERESIAS.

FOI NO IMPÉRIO ROMANO QUE A IGREJA SOFREU UMA GRANDE PERSEGUIÇÃO. DESDE NERO ATÉ O IMPERADOR DEOCLESIANO ( 284-305), AS PERSEGUIÇÕES FORAM TERRÍVEIS.

NO FIM DAS PERSEGUIÇÕES IMPERIAIS, 313, OS CRISTÃOS ERAM CERCA DA METADE DA POPULAÇÃO DO IMPÉRIO ROMANO.

NO FINAL DESTE PERÍODO A IGREJA HAVIA SE EXPANDIDO, MAS EM TROCA HAVIA SE DEFORMADO, POIS FOI NESTA ÉPOCA QUE APARECERAM OS PRIMEIROS INDÍCIOS DE HIERARQUIA, DO SACRIFÍCIO DA MISSA, DOS MOSTEIROS E O SURGIMENTO DOS LIVROS APÓCRIFOS COMO O EVANGELHO DE PEDRO, OS ATOS DE PAUL, EPÍSTOLA DE BARNABÉ E ETC…

A IGREJA ALÉM DAS PERSEGUIÇÕES TAMBÉM SOFRIA COM AS HERESIAS QUE TENTAVAM E INFILTRAR DENTRO DELA TAIS COMO:
– O GNOSTICISMO
– OS ENSINOS DE MARCIÃO E…

O MONTANISMO, QUE OBRIGOU A IGREJA A ELABORAR O CÂNON, A CONFISSÃO DE FÉ, NESTA ÉPOCA COMEÇOU A SURGIR INDÍCIOS DA DOUTRINA DA SUCESSÃO APOSTÓLICA.

EM MEADOS DE 250 SURGIA OS SÍNODOS PROVINCIAIS EM QUE OS BISPOS NAS CAPITAIS, NATURALMENTE, ERAM OS MAIS IMPORTANTES, SENDO CHAMADOS DE METROPOLIATANOS, E MAIS TARDE DE ARCEBISPOS.

OS PRINCIPAIS TEÓLOGOS DA ÉPOCA ERAM IRINEU, TERTULIANO E ORÍGENES, NESTA ÉPOCA OS CRISTÃOS CONDENAVAM RELAÇÕES SEXUAIS FORAM DO CASAMENTO, ABORTO, HOMOSSEXUALISMO E O ABANDONO DAS CRIANÇAS NÃO DESEJADAS NUM MUNDO ONDE ESTAS COISAS FAZIAM PARTE DA CULTURA DO POVO.

A IGREJA VISAVA TRANSFORMAR O HOMEM E NÃO A SOCIEDADE: POR ISSO ELA NÃO SE OPÔS A ESCRAVIDÃO QUE TAMBÉM ERA COMUM NA ERA.

2 – A UNIÃO ENTRE A IGREJA E O ESTADO (313-395)

FOI EM ROMA NO DIA 27 DE OUTUBRO DE 312 NO DIA ANTERIOR A BATALHA DA PORTA MÍLVIA QUE (SUPÕE-SE) O IMPERADOR CONSTANTITO VIU NO CÉU, ACIMA DO SUL POENTE, A FIGURA DE UMA CRUZ E SOBRE ESTA AS PALAVRAS:

“por este sinal vencerás”

ASSIM, INDO PARA A BATALHA, ELE GANHOU E SE CONVERTEU AO CRISTIANISMO. EM 313 CONSTANTINO PROMULGOU O EDITO DE MILÃO, QUE GARANTIA LIBERDADE DE CULTO AOS CRISTÃOS. SEM DÚVIDA ELE FAVORECEU OS CRISTÃOS…


estátua de Constantino, imperador romano.

NA SOCIEDADE ROMANA, AINDA EM 325, CONTANTINO EXPEDIU UMA MENSAGEM AOS SÚDITOS DO IMPÉRIO PARA QUE SE CONVERTESSEM A CRISTO.

TODAVIA PELO MOTIVO DA ARISTOCRACIA REJEITAR O CRISTIANISMO, CONSTANTINO MUDOU A CAPITAL DO IMPÉRIO PARA BIZÁNCIO E DENOMINOU-A CONSTANTINOPLA, UMA “NOVA ROMA” PARA OS CRISTÃOS.

A CONVERSÃO DE CONSTANTINO É CONTESTADA POR MUITOS HISTRIADORES, MAS AO QUE NOS PARECE ELE FOI DE FATO REGENARADO POR DEUS.

APÓS A MORTE DE CONSTANTINO, O IMPERADOR JULIANO TENTOU RESTAURAR O PAGANISMO MAS NÃO FOI MUITO FELIZ, TALVEZ PIOR AINDA FEZ O IMPERADOR TEODÓSIO, O MAGNO ( 378-395) QUE EM 380 PROMULGOU O EDITO DE TESSALÔNICA EM QUE FEZ DECRETAR O CRISTIANISMO COMO RELIGIÃO OFICIAL, CIVIL E OBRIGATÓRIA A TODOS OS SÚDITOS DO IMPÉRIO;

ASSIM FOI UMA CALAMIDADE HORRÍVEL PARA A IGREJA PORQUE SER CRISTÃO AGORA NÃO ERA MAIS DESAFIO, E SIM VANTAGENS.

O QUE LEVOU UMA MULTIDÃO ENORME DE ÍMPIOS A SE BATIZAREM SEM SEREM REALMENTE CONVERTIDOS. AS OUTRAS RELIGIÕES FORAM PROIBIDAS, OS TEMPLOS PAGÃOS DERRUBADOS, HAVENDO TAMBÉM DERRAMAMENTO DE SANGUE.

NÃO PRECIDA SER NENHUM GÊNIO PARA SABER NO QUE RESULTOU ISTO. A IGREJA SECULARIZOU-SE. A POMBA DO PAGANISMO COM ROUPAGEM CRISTÃ ENTRA NA IGREJA EVIDENCIANDO NO VESTUÁRIO LUXUOSO DOS CLÉRIGOS, NAS VELAS, NO INCENSO, NA ARQUITETURA E NAS PROCISSÕES SOLENES.

OS SACRAMENTOS TINHAM AGORA UM TOM MÁGICO, SE PROLIFERAVAM NO CRISTIANISMO A PRÁTICA DE VENERAÇÃO DOS SANTOS, ANJOS, MARIA, IMAGENS E RELÍQUIAS.

AS IGREJAS E OS BISPOS DA IGREJA UNIVERSAL DAQUELA ÉPOCA, VIERAM A FICAR, EM GRANDE
PARTE SOB O DOM+INIO DE CINCO GRANDES CENTROS:
ROMA
CONSTANTINOPLA
ANTIOQUIA
JERUSALÉM
ALEXANDRIA

CUJOS BISPOS VIERAM A SER CHAMADOS DE PATRIARCAS, DE IGUAL AUTORIDADE TODOS ELES ( NÃO EXISITA AINDA O PAPADO COMO HÁ HOJE), CADA QUAL GOVERNANDO SOZINHO SUA PROVÍNCIA.

NESTE PERÍODO HOUVE DOIS CONCÍLIOS: O DE NICÉIA ( 325) QUE CONTOU COM A PRESENÇA DE 250 A 308 PARTICIPANTES. O CONCÍLIO FOI CONVOVADO PORQUE UM PRESBÍTEO DE ALEXANDRIA REJEITOU A DIVINDADE DE CRISTO E CONSTANTINO QUERIA A IGREJA UNIDA E QUE CHEGASSE A UM ACORDO.

NO FINAL DO CONCÍLIO FOI PRONUNCIADA A DERROTA DE ÁRIO QUE DIZIA SER JESUS UMA CRIATURA E FOI PRONUNCIADO QUE O FILHO É EM TUDO MESMO, UM COM O PAI.

EM 328 ATANÁSIO CONSAGROU SUAS NERGIAS PARA PROVAR QUE O FILHO É EM TUDO MESMO, UM COM O PAI, MAS ELE ENCONTROU OPOSIÇÃO POR PARTE DO BISPO DE CONSTANTINOPLA, POR MOTIVOS POLÍTICOS, POIS O BISPO EUZÉBIO QUERIA SER MAIS IMPORTANTE POR SER DA CAPITAL CONSTANTINOPLA.

EUZÉBIO CONVENCEU O IMPERADOR EM DESTERRAR ATANÁSIO EM 335 A QUAL ELE FUGIU CINCO VEZES. E FO NO SÍNODO DE ALEXANDRIA EM, 362 QUE ATANÁSIO JUNTO COM BASÍLIO DE CESARÉIA, GREGÓRIO DE NAZIAZO E GREGÓRIO DE NISSA, DEFENDERAM A TESE DE QUE O ESPÍRITO SANTO ERA DO SER DO MESMO ÚINICO DEUS, SENDO DEFINIDA A DOUTRINA DA TRINDADE. MAIS TARDE NO CONCÍLIO DE CONSTANTINOPLA FOI RECONHECIDA A DOUTRINA DA TRINDADE.

3 – A DIVISÃO DO IMPÉRIO E DA IGREJA CATÓLICA ANTIGA ( 395 A 476)

COM A SEPARAÇÃO DO IMPERIO ROMANO, MOTIVADA PELA MORTE DE TEODÓSIO, CONSTANTINOPLA FICOU SENDO A PRINCIPAL CIDADE DO IMPÉRIO ROMANO NO ORIENTE, QUE MAIS TARDE PASSOU A SER CONHECIDA COMO IMPÉRIO BIZANTINO, CONSTITUINDO O CENTRO POLÍTICO, ECONÔMICO, CULTURAL E RELIGIOSO DO ORIENTE PRÓXIMO, COM ISTO O BISPO DE ROMA SIRICIO ( 385-399) VIU O SEU SONHO DE SER RECONHECIDO COMO AUTORIDADE SOBRE A IGREJA DO ORIENTE RUIR-SE

EM 431 FOI REALIZADO O CONCÍLIO DE ÉFESO QUE CONDENOU NESTÓRIO, BISPO DE CONSTANTINOPLA, QUE NEGAVA A MARIA A DENOMINAÇÃO DE MÃE DE DEUS, ADMITINDO SOMENTE QUE ELA ERA COMO DE FATO É A VERDADE: A MÃE DE CRISTO. AUMNTANDO AINDA MAIS O CISMA DA IGREJA OCIDENTAL E ORIENTAL.

20 ANOS DEPOIS, EM 451 FOI REALIZADO O CONCÍLIO DE CALCEDÔNIA QUE TERMINOU COM A FORMULAÇÃO CLÁSSICA QUE RECONHECIA EM CRISTO UMA PESSOA COM DUAS NATUREZAS, UMA HUMANA E OUTRA DIVINA. OS PRINCIPAIS DEFENSORES FORAM APOLINÁRIO, CIRILO, EUTIQUES E NESTÓRIO.

DEPOIS DA DIVISÃO DO IMPÉRIO EM 395 OS PATRIARCAS DE ANTIQUIA, JERUSALÉM E ALEXANDRIA FORAM AOS POUCOS RECONHECENDO A LIDERANÇA DE CONSTANTINOPLA, MAS O CISMA MESMO OCORREU EM 1054.

NESTE PERÍODO SURGE NA IGREJA OCIDENTAL, QUE LENTAMENTE VAI TOMANDO A FORMA DO CATOLCISMO ROMANO TRÊS GRANDES PERSONAGENS: JERÔNIMO, AMBRÓSIO E AGOSTINHO.

JERÔNIMO FOI O AUTOR DA VULGATA ( VERSÃO OFICIAL DA IGREJA CATÓLICA), O OUTRO FOI AMBRÓSIO QUE ENSINOU A IGREJA A CANTAR, SENDO ELE MESMO O AUTOR DE MUITOS HINOS.

O OUTRO FOI O TEÓLOGO AGOSTINHO, NATURAL DA ÁFRICA, EXERCEU O BISPADO EM HIPONA, NO LITORAL AFRICANO, FOI ELE UM GRANDE DEFENSOR DO CRISTIANISMO PURO ( APESAR DE TAMBÉM COMETER SÉRIOS ERROS), ELE REBATEU O MOVIMENTO HERÉTICO DE DONATO E PELÁGIO.

EM 432 TINHA SIDO INICIADO O TRABALHO DE CRISTIANIZAÇÃO NA IRLANDA POR PATRÍCIO.

4 – O IMPÉRIO ROMANO OCIDENTAL É EXTINTO ( 476-590)

OS ROMANOS CONSIDERARAM BÁRBAROS TODOS OS POVOS QUE NÃO FALAVAM O LATIM E QUE MORAVAM ALÉM DAS FRONTEIRAS DO IMPÉRIO. PARA OS ROMANOS, ERA UMA RAÇA INFERIOR ATRASADA.

AOS POUCOS OS BÁRBAROS FORAM TOMANDO TODO O IMPÉRIO ROMANO DO OCIDENTE E DOMINANDO SUA TRADIÇÃO E SE INSTALANDO N OS RECANTOS DO IMPÉRIO. JÁ OS IMPERADORES GOVERNARAM DESPOTICAMENTE E O EXÉRCITO SE ACHAVA ENFRAQUECIDO.

ASSIM A INVASÃO COMEÇOU COM OS HUNAS NA EUROPA E ÁSIA, NO ANO 395. EM 441 OS ANGLO-SAXÕES CONQUISTAM O SUL DA INGLATERRA E FINALMENTE A QUEDA OCORREU EM 476 QUANDO RÔMULO AUGUSTULO, ÚLTIMO IMPERADOR ROMANO DO OCIDENTE, É DEPOSTO PELO OSTROGODO ODOACRO.

O INTERESSANTE NESTE QUADRO DA HISTÓRIA FOI QUE O REI FRANCO CLÓVIS CONVERTEU-SE AO CRISTIANISMO E ASSIM TODOS OS PAGÃOS DO SEU REINO FORAM CRISTIANIZADOS ( E NÃO EVANGELIZADOS).

OS BISPOS ( PAPAS) DE ROMA IAM FAZENDO ALIANÇAS, PARA IMPEDIR A DESTRUIÇÃO DO CRISTIANIMSO (QUE A ESTA ALTURA JÁ ESTAVA CHEIO DE HERESIAS) PELOS REIS BÁRBAROS ATÉ QUE SURGIU GREGÓRIO I QUE FIRMOU O PAPADO E O PODER SECULAR DO PAPA A PARTIR DE 590.

EM 484 O PATRIARCA ACÁCIO DE CONSTANTINOPLA FOI EXCOMUNGADO AUMENTANDO MAIS O ABISMO ENTRE O ORIENTE E O OCIDENTE. EM 529 BENEDITO DE NURSIA FUNDA O MINISTÉRIO DE MONTE CASSINO E A ORDEM BENEDITINA.

EM 550 GALES É CONVERTIDOAO CRISTIANISMO POR DAVI. EM 553 NO CONCÍLIO CONSTANTINOPLA II O MONOFISMO É REJEITADO COMO DOUTRINA POIS AFIRMAVA QUE CRISTO VEIO A TERRA COMO ESPÍRITOE NÃO COMO HOMEM.

EM 587 OS VISIGODOS SÃO CONVERTIDOS AO CRISTIANISMO E EM 589 TAMBÉM SE CONVERTEU A LOMBARDIA.

5 – INICIA O DOMÍNIO TEMPORAL DO PAPADO (590-869)

EM 590 INICIA O PONTIFICADO DE GREGÓRIO, O GRANDE, QUE CONSOLIDA A AUTORIDADE PAPAL. QUANDO ESTE SUBIU AO PODER A ITALIA JÁ HAVIA SIDO UM REINO GÓTICO, PROVÍNCIA BIZANTINA E PILHADA PELOS LOMBARDOS.

MAS SOB A INFLUÊNCIA DE GREGÓRIO, ELE CONSEGUIU ESTABILIZAR A SITUAÇÃO. GREGÓRIO TRABALHOU INCANSÁVELMENTE PARA PURIFICAR A IGREJA, ELE NUNCA GOSTOU DE SER CHAMADO “BISPO UNIVERSAL” E REPELIU ESTE TÍTULO COMO “VICIOSO E ARROGANTE”, APESAR QUE NA PRÁTICA O EXERCIA.

SUAS MAIORES CONSTRIBUIÇÕES PARA O CATOLICISMO ( POIS A ESTA ALTURA O CRISTIANIMSO JÁ ESTAVA MUITO DISTORCIDO) FORAM:
1 –O FORTALECIMENTO DO PAPADO
2 – FAVORECEU O MONARQUISMO
3 – DEFORMOU A GRAÇA

MUITAS IGREJAS ESTAVAM INDEPENDENTES NESTA ÉPOCA, UNIDAS SOMENTE PELO CONCÍLIO ONDE HAVIA REPRESENTANTES DAS MAIS IMPORTANTES, MAS AGORA GREGÓRIO EXERCIA DOMÍNIO SOBRE AS IGREJAS DA ITÁLIA, ESPANHA, GÁLIA E INGLATERRA.

SEUS SUCESSORES CONTINUARAM A OBRA DE DOMINAR AS IGREJAS, ASSIM EM 639 A IGREJA DA IRLANDA DO SUL SUBMETEU-SE AO CATOLICISMO ROMANO. EM 664 O SÍNODO DE WHITBY, INGLATERRA, ADOTA A FÉ CATÓLICA, O REI OSWIU DE NURTHUMBRIA DECIDE EM FAVOR DO RITUAL CATÓLICO ROMANO.

EM 697 FOI A VEZ DA IGREJA DA IRLANDA DO NORTE SUBMETER-SE AO CATOLICISMO. ESTE PERÍODO TAMBÉM FORA MARCADO PELAS MUITAS MISSÕES NA EUROPA.

EM 563 COLUMBA FOI PARA A ESCÓCIA E POR VOLTA DE 600, COLUMBA PREGOU NA EUROPA DO SUL. EM 688 SUSSEX, O ÚLTIMO REINO PAGÃO DA INGLATERRA É CONVERTIDO AO CATOLICISMO E EM 715 O MONGE BENEDITINO WINFRITH, FUTURO BONIFÁCIO, INCIA SEU TRABALHO MISSIONÁRIO ENTRE OS ALEMÃES.

EM 863 CIRILO E METÓDIO INICIAM TRABALHO MISSIONÁRIO NA MORÁVIA E EM 864 O PRÍNCIPE BORIS I DA BULGÁRIA ACEITA O CRISTIANIMSO. OS CONCÍLIOS DE CONSTANTINOPLA III E NICEIA II TOMA NOVAS RESOLUÇÕES.

OI CONCÍLIO DE CONSTANTINOPLA CONDENOU O MONOTELISMO, DOUTRINA QUE AFIRMAVA HAVER EM CRISTO UMA ÚNICA VONTADE: A DIVINA, ABSORVENDO A HUMANA, E O DE NICÉIA APROVA A VENERAÇÃO DE IMAGENS PARA A MAIOR DEGRADAÇÃO CATÓLICA.

A HISTÓRIA POLÍTICA-RELIGIOSA DESSA ÉPOCA DESENVOLVEU-SE DA SEGUINTE MANEIRA:

732 CARLOS MARTELO, REI DOS FRANCOS DERROTOU OS MAOMETANOS INVASORES, POR VOLTA DE 757, PEPINO, FILHO DE CARLOS MARTELO VENCEU OS LOMBARDOS QUE DOMINAVAM A ITÁLIA E ENTREGA AS TERRAS PARA QUE O PAPA EXERCA DOMÍNIO TEMPORAL.

PEPINO FEZ ISSO PORQUE O PAPA O CONVENCEU QUE O IMPERADOR CONSTANTINO (306-337) HAVIA DOADO A ITÁLIA AO PAPA, ASSIM FOI ESTABELECIDO EM ROMA O ESTADO ECLESIÁSTICO.

NO DIA 25 DE DEZEMBRO DE 800 EM ROMA, LEÃO III COROA CARLOS MAGNO IMPERADOR DO SACRO IMPÉRIO ROMANO, ASSIM IGREJA E ESTADO SE TORNARAM UNOS.

IDADE DAS TREVAS

No estudo do cristianismo o período onde o papado exercia o poder temporal entrou para a história como a IDADE DAS TREVAS:
“…foi a chamada “Idade das Trevas”, período onde nada se desenvolveu
na Europa que estava estagnada, fechada para o mundo. Na verdade houve
alguns pontos de menor dinamismo, como o caso do comércio, sistema
de educação e desenvolvimento urbano.” (Licenciatura em História, Unimes)

6 – AUMENTA A SEPARAÇÃO DA CATÓLICA ORTODOXA E CATÓLICA ROMANA ( 869-1054)

EM 869 O PAPA NICOLAU I TENTA INTERVIR MNOS NEGÓCIOS DA IGREJA CATÓLICA, MAS O PATRIARCA FÓCIO O REPRIME, CONCLUSÃO: NICOLAU EXCOMUNGOU FÓCIO E FÓCIO EXCOMUNGOU NICOLAU. POR CONSEGUINTE EM 869 REALIZADO O ÚLTIMO CONCÍLIO ECUMÊNICO ( CONSTANTINOPLA IV) DEVIDO AS PRETENSÕES DO PAPA DE SER O SENHOR DA CRISTANDADE.

A RUPTURA SE DEU POR COMPLETA EM 1054 QUANDO MIGUEL CERULÁRIO, PATRIARCA DE CONSTANTINOPLA DECRETOU A DIVISÃO ENTRE AS DUAS IGREJAS, NÃO MAIS OBEDECENDO O PAPA E AMBAS AS IGREJAS EXCOMUNGARAM-SE RECÍPOCRAMENTE.

AS PRINCIPAIS DIFERENÇAS ENTRE CATÓLICA ROMANA E A GREGA RESIDE NO SEGUINTE:

IGREJA CATÓLICA ROMANA:
CULTURA GREGA
LIDER É O PAPA
VENERA IMAGENS DE ESCULTURA
ACREDITA QUE O ESPÍRITO SANTO PROCEDE DO PAI E DO FILHO

IGREJA CATÓLICA ORTODOXA:

CULTURA GREGA
LIDER É O PATRIARCA
CONDENA A VENERAÇÃO DE IMAGENS
ACREDITA QUE O ESPÍRITO SANTO PROCEDE SÓ DO PAI.

NESTE PERÍODO TAMBÉM, OCORRIA AQUILO QUE OS HISTORIADORES CHAMAM DE “A MEIA-NOITE DA IDADE MÉDIA” : SUBORNO, CORRPÇÃO, ASSASSINATOS E IMORALIDADE MARCOU A HISTÓRIA DO CATOLICISMO.

A JEZABEL DO CATOLICISMO SE CHAMAVA MARÓZIA, ESTA DAMA DE BORDEL DEU ORIGEM A HORRIPILANTES MONSTROS HUMANOS, ELA ERA MÃE DE JOÃO XI ( 973-974) E TAMBÉM FOI AMANTE DO PAPA SÉRGIO.

7 – O APOGEU DO PAPADO

VITOR II ( 1055-1057), ESTEVÃO IX ( 1057-1058), NICOLAU II (1058-1061) E ALEXANDRE II ( 1061-1073) NÃO FORAM OS RESPONSÁVEIS POR ESTA FASE, MAS SIM GREGÓRIO VII CUJO NOME VERDADEIRO ERA HILDEBRANDO ( 1073-1085) QUE REFORMOU O CLERO ARREBATOU-SE CONTRA A SIMONIA ( COMPRA DE CARGO ECLESIÁSTICO POR DINHEIRO).

POR CAUSA DA SIMONIA, GREGÓRIO GUERREOU CONTRA HENRIQUE IV, IMPERADOR DA ALEMANHA QUE DEPÔS GREGÓRIO, MAS ESTE POR SUA VEZ EXCOMUNGOU E DEPÔS O IMPERADOR, INSURGE UMA GUERRA QUE ACABA TRAZENDO INDEPENDÊNCIA AO PAPADO DO PODER IMPERIAL.

MAS GREGÓRIO ACABOU SENDO EXPULSO DE ROMA E EXILADO, MAS AS COISAS NÃO PARARAM AÍ. VITOR III ( 1086-1087), URBANO II ( 1088-1099), PASCAL II ( 1099-1118), GELÁSIO II ( 1118-1119) E CALIXTO II DERAM SEQUÊNCIA A GUERRA CONTA O IMPERADOR ALEMÃO, CHEGANDO A PAZ EM 1122 NA CONCORDATA DE WORMS APÓS 50 ANOS DE GUERRA.

OUTRO DESTACADO PAPA DESTE PERÍODO FOI INOCÊNCIO III (1198-1216) QUE ENTROU NAS PÁGINAS DA HISTÓRIA COMO O MAIS PODEROSO PAPA.

PÔS O SANTO-OFÍCIO DA INQUISIÇÃO NAS RUAS, DOMINOU OS REIS DA EUROPA E ATÉ MESMO O IMPÉRIO BIZANTINO, DIR-SE-IA QUE NERO, A BESTA, TINHA REVIVIDO, ASSUMINDO O NOME DE CORDEIRO.

HONÓRIO III ( 1216-1227), GREGÓRIO IX ( 1227-1241) E INOCÊNCIO IV ( 1241-1254) GUERREARAM CONTRA FREDERICO II, IMPERADOR ALEMÃO, ARRASTANDO O IMPÉRIO A UMA DEGRADANTE JHUMILHAÇÃO E ELEVANDO O PAPADO AO APOGEU.

AS CRUZADAS FORAM EXPEDIÇÕES MILITARES QUE TINHA POR OBJETIVO CONQUISTAR A PALESTINA QUE ESTAVA SOB AS MÃOS DOS TURCOS OTOMANOS, ELAS TINHAM UM CARÁTER RELIGIOSO E POLÍTICO.

RELIGIOSAMENTE A INTENÇÃO ERA LIBERTAR OS LUGARES SAGRADOS, TAIS COMO O SANTO SEPULCRO, POLITICAMENTE A INTENÇÃO DOS CAMPONESES ERA SE LIBERTAR DOS SENHORES FEUDAIS, OS GENOVESES E VENEZIANOS, POVOS MERCADORES QUE VISAVAM A FUNDAÇÃO DE ENTREPOSTOS COMERCIAIS, E ENFIM, TODOS TINHAM AMBIÇÕES PESSOAIS.

AS CRUZADAS

AS CRUZADAS FORAM EM 8, INCLUINDO A DAS CRIANÇAS. O NOME CRUZADA SE ORIGINOU DO EMBLEMA DE UMA CRUZ QUE OS PARTICIPANTES USAVAM EM SUAS VESTES E EM SEUS ESTANDARTES.

A PRIMEIRA CRUZADA ( 1095-1099)

FOI PROCLAMADA PELO PAPA URBANO II QUE RESALTOU AS RIQUEZAS EXISTENTES NO ORIENTE. A PRIMEIRA EXPEDIÇÃO CONTAVA COM 16 MIL CAMPONESES QUE FORAM MASSACRADOS, MAS EM 1096 SAIU UMA EXPEDIÇÃO MILITARMENTE ORGANIZADA QUE EM 1099 SE APODEROU DE JERUSALÉM.

NESTA CRUZADA A CIDADE FOI TOMADA DE ASSALTO E NEM MESMO AS MULHERES E AS CRIANÇAS ESCAPARAM À BRUTALIDADE DOS CRUZADOS QUE INTERROMPIAM SEUS ATOS DE CRUELDADE APENAS PARA ORAR NOS “LUGARES SANTOS” E DEPOIS VOLTAVAM À PRATICA DOS MAIS HEDIONDOS CRIMES EM NOME DA RELIGIÃO.

NESTE TEMPO FORAM ORGANIZADAS CERTAS ORDENS MILITARES RELIGIOSAS COMO A ORDEM DOS TEMPLÁRIOS, A ORDEM DOS CAVALEIROS TEUTÔNICOS, E A ORDEM DOS CAVALEIROS DE SÃO JOÃO.

A SEGUNDA CRUZADA

COMO OS TURCOS DCOMINARAM O CONDADO DE EDESSA EM 1144 FOI PROCLAMADA A SEGUNDA CRUZADA E LOGO O REI FRANCÊS E ALEMÃO FORAM A DAMASCO, MAS LÁ FORAM DERROTADOS, SERVINDO SOMENTE PARA ADIAR A QUEDA DE JERUSALÉM.

EM 1187 JERUSALÉM É RETOMADA PELO SULTÃO DO EGITO, MOTIVANDO A REALIZAÇÃO DA PRÓXIMA CRUZADA.

A TERCEIRA CRUZADA

ENTRE 1189 A 1191 TEVE EM OPERAÇÃO A TERCEIRA CRUZADA QUE FICOU CONHECIDA COMO “cruzada dos reis” DEVIDO A PARTICIPAÇÃO DE TRÊS GRANDES MONARCAS DA EUROPA:
BARBA RUIVA, O FREDERICO I, (IMPERADOR DA ALEMANHA)
FELIPE AUGUSTO ( REI DA FRANÇA)
RICARDO CORAÇÃO DE LEÃO ( REI DA INGLATERRA)

TODAVIA NÃO CONSEGUIRAM RECUPERAR JERUSALÉM, MA SOMENTE PERMITIU AOS CRISTÃOS LIVRE ACESSO AO SANTO SEPULCRO.

A QUARTA CRUZADA

COMO JERUSALÉM NÃO FOI RECUPERADA, ENTRE 1201 E 1204 FOI ORGANIZADA PELOS VENEZIANOS E TEVE INTERESSES PURAMENTE COMERCIAIS, ISTO FICOU EVIDENCIADO HAJA VISTO OS CRUZADOS NÃO DIRIGIREM PARA JERUSALÉM, E SIM, CONSTANTINOPLA, ANIQUILANDO NÃO SOMENTE OS MUÇULMANOS QUE LÁ ENCONTRARAM MAS TAMBÉM OS PRÓPRIOS CRISTÃOS.

TODAVIA, TEMPOS SE PASSARAM E OS GOVERNANTES DE NICÉIA EM BOA OPORTUNIDADE LIBERTARAM CONSTANTINOPLA DOS CRUZADOS.

A QUINTA CRUZADA

NESTA EPOCA (1212)OS EUROPEUS SUPUNHAM QUE SOMENTE A PURERZA E INOCENCIA DAS CRIANÇAS FARIAM COM QUE JERUSALEM VIESSE A PERTENCER AOS CRISTAOS, MAS ESTA VIAGEM FOI DESASTROSA, POIS AS CRIANCAS ALEMAS E FRANCESAS MORRERAM EM GRANDE QUANTIDADE NEMUA TEMPESTADE NO MEDITERRANEO E OS DEMAIS FORAM PARA A AFRICA ONDE AS CRIANCAS FORAM VENDIDAS COMO ESCRAVOS.

A SEXTA CRUZADA

A SEGUIR O REI ALEMAO FREDERICO II EMPREENDEU UMA NOVA CRUZADA (1228-1229). COM MUITA DIPLOMACIA E INTELIGENCIA ESSE OBTEVE INUMERAS VANTAGENS JUNTO AO SULTAO AL-KAMIL A QUAL CONFERIA AOS CRISTAO O DOMINIO DE VARIAS CIDADES, COMO NAZARE, BELEM E JERUSALEM.

A SETIMA CRUZADA

ESTA FOI FEITA POR LUIZ IX, REI DA FRANÇA, MAS TAMBEM NÃO FOI BEM SUCEDIDA.

A OITAVA CRUZADA

ENTRE 1270-1272, FOI ORGANIZADA A ULTIMA CRUZADA QUE FOI REDUZIDA A NADA.

A FORCA DO PAPADO NESTE EPOCA SE PERCEBIA PELA HUMILDADE DAS NAÇOES ANTE O PAPA, EM 1144, PORTUGAL RECEBE O CONSENTIMENTO PAPAL PARA SER UM ESTADO INDEPENDENTE E EM 1198 A SICILIA UNE-SE AO SACRO-IMPERIO.

AS ORDENS RELIGIOSAS

NESTE PERIODO SÃO REALIZADOS 7 GRANDES CONCILIO QUE EXALTAM AINDA MAIS A FORÇA DO CATOLICISMO E O PAPADO. COM OS RESULTADOS DAS CRUZADAS FORAM SURGINDO MUITAS ORDENS RELIGIOSAS, TAIS COMO;
A ORDEM DOS CAVALEIROS ESPIRITUAIS (AS CRUZADAS)

A ORDEM DOS CARTUXOS QUE FOI FUNDADA POR BRUNO EM 1084 CUJO OS MEMBROS MORAVAM EM CUBICULOS INDIVIDUAIS E MANTINHAM SILENCIO QUASE ABSOLUTO

A ORDEM DOS CERTENCIENSES FOI ORGANIZADA POR ROBERTO EM 1098 QUE SEGUIA A REGRA DE BENTO.

BERNARDO DE CLARAVAL TINHA UM IDEAL ASCETICO QUE VISAVA CRITICAR O EXCESSO NA VIDA DO PAPA E DOS CLERIGOS, ELE ERA UM CONSERVADOR E PREGAVA UMA NOVA FORMA DE PIEDADE. SUAS IDEIAS LHE DERA O RECONHECIMENTO DE SER CHAMADO O `AGOSTINHO DA IDADE MEDIA`.

OUTRO PREGADOR QUE ERA MAIS RADICAL QUE BERNARDO DE CLARAVAL SE CHAMAVA ARNOLDO DE BRESCIA ( ? – 1155) QUE ENSINAVA QUE O CLERO DEVERIA ABANDONAR TODAS AS PROPRIEDADES E O CLERO DEVERIA ABANDONAR TODAS AS PROPRIEDADES E O PODER SECULAR, E POR ISSO MESMO FOI MORTO PELO PAPA.

NO SÉCULO XII E XIII HOUVE UMA REAÇÃO CONTRA A SECULARIZAÇÃO DA IGREJA, SURGINDO ASSIM OS ALBIGENSES E VALDENSES. OS ALBIGENSES NÃO FORAM MUITO BÍBLICOS EM SUAS IDÉIAS, POIS REJEITARAM O ANTIGO TESTAMENTO, PREFERIAM O EVANGELHO DE JOÃOP, DESPREZAVAM O CASAMENTO E A COMIDA PRODUTO DE ANIMAIS E A PROSPERIDADE MATERIAL.

OS ALBIGENSS ERA DUALISTAS PORQUE ELES LOCALIZARAM O MAL NO MATERIAL, APESAR DITO, TINHAM GRANDE PUREZA MORAL, PREGAVAM CONTRA AS IMORALIDADES DO CLERO, MESMO ESTANDO OS ALBIGENSES ( OU CÁRTAROS) ESPALHADOS NO SUL DA FRANÇA E NORTE DA ESPANHA E DA ITÁLIA, EM CEM ANOS FORAM ANIQUILADOS PELA INQUISIÇÃO.

OS VALDENSES ERAM SEGUIDORES DE VALDO, RICO NEGOCIANTE DE LIÃO, QUE EM 1176 RENUNCIOU ÀS RIQUEZAS, IMPRESSIONADO POR MATEUS 10 E 19.11, REJEITOU VÁRIOS ERROS DO CATOLICISMO, DENTRE ESTES A MISSA, A ORAÇÃO PELOS MORTOS, O PURGATÓRIO, A USURPAÇÃO DO CLERO, A INDULGÊNCIA E ETCC.

OS VALDENSES ENSINAVAM QUE A BÍBLIA ERA A ÚNICA REGRA DE FÉ E DE CONDUTA, APESAR DA INQUISIÇÃO MOVER GRANDES PERSEGUIÇÕES A ESTE GRUPO, ELES CONSEGUIRAM SOBREVIVER ATÉ HOJE, SENDO A PRINCIPAL DENOMINAÇÃO PROTESTANTE DA ITÁLIA.

DIANTE DESTAS MANIFESTAÇÕES CONTRA O ABUSO DO CLERO, A IGREJA REAGIU COM A CRIAÇÃO DAS ORDCENS MENDICANTES (pauperes catholici), DESTA MANEIRA A IGREJA NÃO PRECISAVA RENUNCIAR AS SUAS RIQUEZAS E AINDA INCORPOROU A IDÉIAS ALTERNATIVAS DE POBREZA APOSTÓLICA NA PRÓPRIA IGREJA.

AS DUAS ORDENS MENDICANTES MAIS IMPORTANTE FORAM A DOS FRANCISCANOS ( OU IRMÃOS MENORES – O . F . M .=Ordo Fratrum Minorum) E A DOS DOMINICANOS (OU “pregadores” – O . P . = Ordo Praedicatorum).

A ORDEM DOS FRANCISCANOS FOI FUNDADA POR FRANCISCO DE ASSIS (1182-1226) QUE INICIOU-A NO NORTE DA ITÁLIA. O PAPA TRANSFORMOU A ORDEM EM 1223, FAZENDO UMAS SUBSTITUIÇÕES.

A VIDA MENDICANTE PELO TRABALHO, A PERAMBULAÇÃO PELO TRABALHO FIXO. A ORDEM DOS DOMINICANOS FOI ESTABELECIDA PELO ESPANHOL DOMINGOS. O ALVO DESTES ERAM CONTRADIZXER OS “hereges” E POR ISTO ESTA ORDEM RECEBEU A RESPONSABILIDADE PELA INQUISIÇÃO. OUTRAS ORDENS TAMBÉM EXISTIAM, TODAVIA DE MENOS IMPORTANCIA, EXEMPLO: A ORDEM DOS BEGUINASES E A ORDEM DOS CARMELITAS.

8 – O DECLÍNIO DO PODER PAPAL

O DECLÍNIO DO PODER PAPAL TAMBÉM É CHAMADO DE : “o cisma do Ocidente”, NESTE PERÍODO O PAPA ERA BONIFÁCIO VIII, NA VERDADE QUANDO ELE RECEBEU O PAPDO, ESTE ESTAVA NOP SEU APOGEUI, SÓ QUE O REI DA FRANÇA FELIPE, O BELO, INICIOU UMA ACIRRADA LUTA E CONFLITO CONTRA VBONIFÁCIO QUE ARRASOU COM O PAPADO LATINO.

A LUTA COMEÇOU PORQUE FELIPE, O BELO, RESOLVEU COBRAR IMPOSTOS DOS DOMÍNIOS ECLESIÁSTICOS, O PAPA RECUSOU A DETERMINAÇÃO DO REI FRANCËS E DEPOIS DE ALGUNS DISTÚRBIOS O EXCOMUNGOU, FELIPE ENTÃO REVIDA ENVIANDO TROPAS A ITÁLIA PARA DESTITUI-LO DO CARGO, O BONIFÁCIO PASSOU MAUS BOCADOS, TENDO QUE SUPORTAR AS MAIORES AFRONTAS E AMEAÇAS, VINDO A FALECER TEMPOS DEPOIS.

COM A MORTE DO PAPA, FELIPE CONSOLIDOU A SEPARAÇÃO ENTRE A FRANÇA E A IGREJA CATÓLICA, TRANSFERINDO A SEDE DA IGREJA DE ROMA PARA AVINHÃO E ESCOLHENDO O ARCEBISPO DE BORDEAUX PARA O CARGO DE PAPA, COMEÇANDO UM NOVO CAPÍTULO DA HISTÓRIA DA IGREJA CATÓLICA CHAMAD: O CATIVEIRO BABILÔNICO DO PAPADO.

9 – O CATIVEIRO BABILÔNICO DO PAPADO ( 1305-1377)

DURANTE 72 ANS, OS PAPAS PERMANECERAM NESSA CIDADE E ERAM ESCOLHIDOS PELOS REIS FRANCESES, QUE OS DOMINAVAM TOTALEMNTE, TODAVIA OS PAPAS E O CLERO EM GERAL CONTINUAVAM LEVANDO UMA VIDA BASTANTE DESREGRADA, SEGUIA-SE A PRÁTICA DE SIMONIA, IMORALIDADE E TODA SORTE DE LUXURIA. O ÚLTIMO PAPA DESTE PERÍODO FOI GREGÓRIO XI QUE TRANSFERIU EM 1377 A RESIDÊNCIA PAPALÇ PARA ROMA, CONTUDO COM À SUA MORTE INICIA OUTRO CAPÍTULO DA IGREJA CATÓLICA QUE CADA VEZ MAIS LEVA-A AO ATOLEIRO.

10 – O CISMA PAPAL ( 1377-1417)

O CISMA PAPAL DEMOROU 40 ANOS, ÉPOCA ESTA QUE HAVIA DOIS PAPAS, UM E OUTRO EM AVINHÃO, UM EXCOMUNGAVA O OUTRO, CADA UM QUERENDO SER O VERDADEIRO E AUTÊNTICO “VIGÁRIO DE CRISTO”. ENTÃO EM 1417 MARTINHO V CURA O CISMA PAPAL, MAS A ESTA ALTURA DO CAMPEONATO O PAPO JÁ HAVIA PERDIDO MUITO PRESTÍGIO.

11 – A RENASCENÇA ( 1418-1503)

CHAMAMOS DE RENASCIMENTO O GRANDE DESENVOLVIMENTO ARTÍSTICO E INTELECTUAL QUE SE VERIFICOU NOS SÉCULOS XV E XVI, EM TODA A EUROPA. A RENASCENÇA PROVOCOU A REFORMA PROTESTANTE PORQUE ESTE MOVIMENTO QUERIA E REINVIDICAVA A LIBERDADE DE PENSAMENTO.

OS PRIMEIROS HUMANISTAS JÁ IAM APARECENDO DESDE VÁRIAS DÉCADAS BUSCANDO O CONHECIMENTO NAS ANTIGAS OBRAS LITERÁRIAS. A RENASCENÇA SEM DÚVIDA PROVOCOU A DECADÊNCIA DA IGREJA CATÓLICA E FOI UM DOS MOVIMENTOS QUE SEPAROU A IDADE MÉDIA DA IDADE MODERNA, MESMO DIANTE DA REAÇÃO CONTRA O TOTALITARISMO E A LUTA PELA LIBERDADE DE PENSAMENTO, OS CHEFES DA IGREJA CATÓLICA CONTINUAVAM PRATICANDO ABUSOS, COMO POR EXEMPLO: A VENDA DE INDULGÊNCIA ( QUE QUER DIZER:”a remissão das penalidades temporais do pecado).

12 – A REFORMA E A CONTRA-REFORMA (1503- 1644)

O SÉCULO XVI FOI A ÉPOCA QUE A IRA DE DEUS SE ACENDEU CONTRA O PAPDO E O SEU IMPÉRIO DE CRIMES E ABUSOS. AGORA TUDO ESTA FAVORECENDO UMA TREMENDA DIVISÃO DESTA “casa de lobisomens”, POIS SURGIA NESTE TEMPO A IMPRESSÃO DE LIVROS, A DESCOBERTA REVOLUCIONÁRIA DE COPÉRNICO, A DESCOBERTA DAS AMÉRICAS E UMA CRESCENTE BURGUESIA, TAMBÉM O NACIONALISMO SE TORNAVA CADA VEZ MAIS FORTE.

A IGREJA CATÓLICA NAS PESSOAS DOS CLEROS CONTINUAVAM VENDENDO PERDÃO, TODAVIA MUITOS CATÓLICOS SINCEROS QUE TIVERAM OPORTUNIDADE DE LER A BÍBLIA PERCEBERAM DE COMO ESTAVAM LONGE DE SER DA VONTADE DE DEUS AS ATITUDES E CRENÇAS DA IGREJA CATÓLICA.

O PRIMEIRO HOMEM QUE PUBLICAMENTE CHAMOU A IGREJA CATÓLCA AO ARREPENDIMENTO FOI MARTINHO LUTERO QUE ESCREVEU AS 95 TESES E PREGOU NA PORTA DA IGREJA DO CASTELO EM WITTENBERG, NO DIA 31 DE OUTUBRO DE 1517, INICIA-SE A REFORMA PROTESTANTE.

MAS A IGREJA NÃO ACEITOU A REFORMA E EM 1520 CONDENOU 41 DAS TESES DE LUTERO E O EXCOMUNGOU, A BULA DE EXCOMUNHÃO LUTERO QUEIMOU PUBLICAMENTE. A REFORMA PRODUZIU UM CAOS SOCIAL, MUITOS ENTENDERAM ERRADO O SENTIDO DE LIBERTAÇÃO QUE LUTERO ENFATIZU, SURGINDO ENTÃO GRUPOS FANÁTICOS QUE AGIAM MOVIDO POR UM ESPÍRITO REVOLUCIONÁRIO.

UM PROBLEMA DA REFORMA FOI QUE ELA DEPENDIA MUITO DO ESTADO, ASSIM, A REFORMA SÓ PODIA ENTRAR LIVREMENTE NOS TERRITÓRIOS CUJOS PRÍNCIPES ERAM EVANGÉLICOS.

SEMELHANTEMENTE AO QUE ACONTECIA NA ALEMANHA DE LUTERO, TAMBÉM EXPLODIA UMA REFORMA NA IGREJA PELO HUMANISTA ÚLRICO ZUÍNGLIO NA SUIÇA. A GUERRA ENTRE CATÓLICOS E PROTESTANTES TAMBÉM ESTOURAVA EM TODA A EUROPA.

HOUVE EM 1531 A FORMAÇÃO DE UMA ALIANÇA ENTRE OS PRÍNCIPES PROTESTANTES. EM 1546 MORRIA LUTERO, EM 1555 O CATOLICISMO E O LUTERANISMO FORAM RECONHECIDOS, PELA PAZ DE AUGSBURGO, O LUTERANISMO SE EXPANDIU, ESPECIALMENTE NA DINAMARCA, NORUEGA, SUÉCIA, ESTÔNIA E LETÔNIA. TODAVIA NO SUL DA EUROPA A REFORMA NÃO FOI INTRODUZIDA. PÓR QUÊ …

OS JESUITAS

FOI A ORDEM FUNDADA POR INÁCIO DE LOIOLA ( 1491-1556), ESTE ESPANHOL QUE PROFESSAVA ABSOLUTA I INCONDICIONAL OBEDIÊNCIA AO PAPA, TINHA COMO OBJETIVO A RECUPERAÇÃO DE TERRITÓRIOS PERDIDOS PARA OS PROTESTANTES E MAOMETANOS E A CONQUISTA DE TODO O MUNDO PAGÃO PARA A IGREJA CATÓLICA ROMANA, PARA CONSEGUIR ESTE ALVO, TODOS OS MÉTODOS ERAM JUSTIFICÁVEIS: A FRAUDE, A IMORALIDADE, O VÍCIO E ATÉ O ASSASSINATO.

NA FRANÇA, FORAM ELES OS RESPONSÁVEIS PELO MASSACRE DA NOITE DE SÃO BARTOLOMUEU, PELAS GUERRAS RELIGIOSAS, PELA PERSEGUIÇÃO AOS HUGUENOTES, PELA REVOGAÇÃO DO EDITO DE TOLERÂNCIA DE NANTES, E PELA REVOLUÇÃO FRANCESA.

NA ESPANHA, PAÍSES BAIXOS, SUL DA ALEMANHA, BOÊMIA, ÁUSTRIA, POLÔNIA E OUTROS PAÍSES, COMANDARAM O MASSACRE DE INCONTÁVEIS MULTIDÕES. ASSIM OS JUESIOTAS IMPEDIRAM A REFORMA NO SUL DA EUROPA, SALVANDO O PAPADO DA RUÍNA.

O CALVINISMO, MOVIEMTNO INICIADO PELO FRANCÊS JOÃO CALVINO, CHEGOU A DOMINAR A SUIÇA, OS PAÍSES BAIXOS E A ESCÓCIA. NO ANO DE 1536 JOÃO CALVINO HAVIA PUBLICADO : “A Instituição da Religião Cristã”, TEXTO BÁSICO DASUA DOUTRINA.

EM 1512 HAVIA SIDO CONVOCADO O V CONCÍLIO DE LATRÃO, TODAVIA SEM MAIOR IMPORTÂNCIA, CONTUDO DE 1545 A 1563 ESTEVE REUNIDO O CONCÍLIO DE TRENTO QUE PRONUNCIOU CONTRA AS DOUTRINAS DOS REFORMADORES, ESTE CONCÍLIO FICOU CONHECIDO COMO O “Concílio da Contra-Reforma”.

GUERRAS RELIGIOSAS

O QUE MAIS MARCOU A POLÍTICA NESTE PERÍODO DA REFORMA E A CONTRA-REFORMA FORAM AS GUERRAS RELIGIOSAS, NA NOITE DE 24 DE AGOSTO DE 1572 FORAM MORTOS EM PARIS 8 MIL PRESBITERIANOS. A ALIANÇA ENTRE A RELIGIÃO E A POLÍTICA TROUXE MAIS UMA CONSEQUÊNCIA:

NA INGLATERRA, A IGREJA ANGLICANA FOI RECONHEICDA COMO A IGREJA ESTADUAL (1531).

NA ESCÓCIA, A PRESBITERIANA ( 1560);

NOS PAÍSES BAIXOS, A REFORMADA

NA FRANÇA, A IGREJA CATÓLICA ( EDITO DE NANTES, 1598).

NA ALEMANHA A REFORMA FOI SALVA PELO REI SUECO, GUSTAVO ADOLFO.

MAS EM GERAL A CONTRA-REFORMA NÃO FOI MAL SUCEDIDA: CONSEGUIU RECONQUISTAR UMA BOA PARTE DA EUROPA CENTRAL.

NO SÉCULO XVIII, OS PROTESTANTES GANHARAM A LIBERDADE SOMENTE PELAS ARMAS, SEGUNDO ALGUNS COMENTARISTA, ELES TERIAM SOFRIDO MENOS SE NÃO TIVESSEM SIDO TÃO FRAGMENTADOS CONFORME AS DIVISA NACIONAIS, E ALÉM DE TUDO A IGREJA CATÓLICA ERA UNIDA E FORTE.

FOI POR VOLTA DE 1600 QUE SENDO A HOLANDA UM CENTRO PARA OS REFORMADOS E UM REFÚGIO PARA OS OUTROS QUE UM EX-CLÉRICO ANGLICANO, JOÃO SMYTH CONVENCEU-SE DO BATISMO POR IMERSÃO E BATIZANDO-SE A SI MESMO DEU ORIGM AOS BATISTAS.

TAMBÉM NESTE PERÍODO DA REFORMA E CONTRA-REFORMA, SURGIU NA IGRJEA CATÓLICA O MOVIMENTO JANSENISTA, ESTE MOVIMENTO FOI CRIADO PELO HOLANDÊS CORNÉLIO JANSEN ( 1585-1638), ELE ERA BISPO NA BÉLGICA E DESEJAVA QUE A IGREJA VOLTASSE AOS ENSINOS DE AGOSTINHO, A SUA INFLUÊNCIA CHEGOU A FRANÇA E A HOLANDA.

O MAIS IMPORTANTE REPRESENTANTE O JANSENISMO FOI O FRANCÊS BLAISE PASCAL ( 1623-1662), NOTÁVEL FIGURA DA HISTÓRIA, ELE ERA CIENTISTA, NATURALISTA, ESCRITOR, FILÓSOFO E TEÓLOGO, SEU PRINCIPAL ESCRITOS FOI “PENSAMENTOS.”

O JANSENISMO SE INTERESSOU PELOS ENSINOS DE AGOSTINHO REFERENTE AO PECADO E A GRAÇA, CONTUDO EM 1653 OS JESUÍTAS E LUÍS XIV FIZERAM COM QUE O PAPA CONDENASSE ESSE MOVIMENTO, INCLUSIVE O PRÓPRIO PORT ROYAL FOI DESTRUIDO PELA IGREJA EM 1710.

NESTE PERÍODO TAMBÉM FOI ORGANIZADO EM ROMA, EM 1622 UMA CONGREGAÇÃO DE CARDEAIS ESPECIFICAMENTE PARA DAR LIDERANÇA ÀS MISSÕES E FOI ASSIM QUE A IGREJA CATÓLICA ROMANA CONSEGUIU UM MONOPÓLIO NAS AMÉRICAS CENTRAL E DO SUL. CONTUDO OS PROTESTANTES COLONIZARAM A AMÉRICA DO NORTE. A GUERRA ENTRE CATÓLICOS E PROTESTANTES ACABOU EM 1598 PELO EDITO DE NANTES QUE DAVA LIBERDADE DE CULTO A TODOS.

13 – A ERA MODERNA (1644 – 1900 )

O SÉCULO XVII AINDA FOI MARCADO POR MUITOS CONFLITOS E VIOLÊNCIA NA FRANÇA, POR EXEMPLO:

VIOLAÇÃO DO EDITO DE NANTES, 50 MIL PROTESTANTES FORAM FORÇADOS A ABANDONAR SUA FÉ E TORNAR-SE CATÓLICOS, ISTO EM 1682, E ABERTAMENTE, EM 1685 O REI FRANCÊS LUÍS XIV REVOGA O EDITO DE NANTES, ESTIMULANDO UM ÊXODO DOS PROTESTANTES PARA FUGIREM DA PERSEGUIÇÃO QUE SE LEVANTAVA.

A INQUISIÇÃO CATÓLICA PROSSEGUIU NOS SEUS CRIMES. NO MUNDO PROTESTANTE OCORRIA O MOVIMENTO CHAMADO PIETISMO QUE TINHA COMO PRIMEIROS LÍDERES :FELIPE J SPENER E AUGUSTO H. FRANCKE, CONTUDO UM DOS PRINCIPAIS PIETISTAS FOI O CONDE ZINZENDORF ( 1700 A 1760).

OS AVIVAMENTOS SEGUIAM-SE UM ATRÁS DO OUTRO, NESTA ETAPA DA HISTÓRIA SURGIA ENTÃO FIGURAS PROEMINENTES DO MUNDO EVANGÉLICO COMO: JOÃO E CARLOS WESLEY, JORGE WHITEFIELD E UM POUCO MAIS TARDE GUILHERME CAREY.

DESDE O SÉCULO XVII SE ACENTUOU O PROBLEMA NA IGREJA CATÓLICA DA CRISE DE VOCAÇÃO ( ISTO É, QUANTIDADE INSUFICIENTE E QUALIDADE INFERIOR DE SACERDOTES) E QUE HOJE TEM SIDO UM GRANDE PROBLEMA NO SEIO DO CATOLICISMO, PRINCIPALMENTE NA AMÉRICA LATINA.

O ILUMINISMO

UM MOVIMENTO INFERIOR ( DO PONTO DE VISTA RELIGIOSO) A REFORMA, MAS QUE TAMBÉM ABALOU MUITO O CATOLICISMO FOI O “ILUMINISMO”.

O ILUMINISMO FOI CARACTERIZADO PELAS DESCOBERTAS CIENTÍFICAS D COPÉRNICO, KEPLER, GALILEU E NEWTON, SUA INFLUÊNCIA RESULTOU NA ABOLIÇÃO DA ORDEM MAIS IMPORTANTE DESDE A CONTRA-REFORMA, “OS JESUITAS”, ASSIM OS JESUITAS FORAM BANIDOS DE PORTUGAL, FRANÇA, DA ESPANHA, DO BRASIL, E DE DOIS ESTADOS ITALIANOS, AINDA DEVIDO AOS EFEITOS DO ILUMINISMO, A IGREJA PERDEU TERRERNO NA AUSTRÁLIA E OUTRAS TERRAS ROMANAS E POR FINAL TUDO ISTO LEVOU O PAPDO A PERDER INFLUÊMNCIA POLÍTICA NO MUNDO, HAVENDO ASSIM MAIS TOLERÂNCIA RELIGIOSA EM QUASE TODA PARTE.

A ORDEM DOS JESUITAS FOI ABOLIDA EM 1773, LEVANDO-OS A REFUGIAREM-SE NA RÚSSIA E NA PRÚSSIA, CONTUDO EM 1814 O PAPA PIO VII RESTABELECE A ORDEM DOS JESUITAS. DESDE O INÍCIO DO SÉCULO XVIII A CULTURA EUROPEIA SEPARAVA-SE DA AUTORIDADE DA IGREJA E A REVOLUÇÃO FRANCESA EM 1789 TAMBÉM PREJUDICOU DURAMENE A IGREJA CATÓLICA

NO SÉCULO XIX SURGIU A IGREJA CATÓLICA FOI AINDA MAIS MARGINALIZADA, DURANTE UM PERÍODO DE MAIS OU MENOS MIL ANOS ELA OPRIMIA, MANDAVA, ESCRAVIZAVA, ORDENAVA, CONDENAVA, DIZIA, FAZIA…AGORA….AGORA, A EUROPA COMEÇAVA A ABANDONAR O CATOLICISMO…

ANGLICANOS

NESTE PERÍODO DA HISTÓRIA A IGREJA ANGLICANA SE DIVIDA EM TRÊS PEDAÇOS: IGREJA BAIXA (QUE ERA UM PARTIDO MAIS EVANGÉLICO), IGREJA ALTA ( ERA OS REMANESCENTES DO ANGLICANISMO E QUE PERMANECERIA ATÉ HOJE) E UMA TERCEIRA PARTE DA IGREJA ANGLICANA QUE VOLTARAM PARA A CATÓLICA.

NO SÉCULO XIX SURGIU NO CENÁRIO DA HISTÓRIA TRÊS HOMENS QUE INFLUENCIARAM E ATÉ HOJE SEUS ESCRITOS TEM INFLUENCIADO NÃO SOMENTE A IGREJA CATÓLICA MAS TAMBÉM A MUITOS PROTESTANTES. ESTES SÃO:

KARL MARX ( PAI DO SOCIALISMO E COMUNISMO MODERNO)

CHARLES DARWIN ( ELABOROU A TEORIA DA EVOLUÇÃO)

FREDERICK NIETZSCHE ( DEFENDEU A IDÉIA DE UMA RAÇA SUPERIOR, QUE MAIS TARDE DEU ORIGEM AO NAZISMO, TAMBÉM ELABOROU UMA ESPÉCIE DE TEOLOGIA QUE DIZIA QUE DEUS ESTÁ MORTO ).

ESTADOS UNIDOS

NESTE SÉCULO OS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA ERA AVIVADO ( NO MEIO EVANGÉLICO) POR DOIS GRANDES PREGADORES : FINNEY ( 1792 A 1875) E MOODY ( 1837 A 1899). APESAR DOS GOLPES QUE NOS ÚLTIMOS SÉCULOS TIRARAM PRATICAMENTE TODO O PODER TEMPORAL DO PAPADO, AINDA ASSIM A IGREJA CATÓLICA SE ESFORÇOU PARA SE RECOBRAR, E AS MISSÕES FORAM CENTRALIZADAS E ORGANIZADAS EM ROMA NO SÉCULO XIX E CONTANDO COM NOVAS ORDENS AINDA SOMOU ESTAS COM AS ANTIGAS ORDENS.

HOUVE CONFLITOS NOS CAMPOS MISSIONÁRIOS ENTRE CATÓLICOS, PROTESTANTES, EVANGÉLICOS E ADEPTOS DE SEITAS. A MISSÃO CATÓLICA AINDA SE DISTINGUIU DAS PROTESTANTES PELA FACILIDADE COM A QUAL ROMA SE ADAPTOU AOS CONCEITOS E COSTUMES PAGÃOS.

O PAPEL DA IGREJA CATÓLICA ROMANA, NO SÉCULO XVIII PARECIA TER TERMINADO, TODAVIA EM POUCAS DÉCADAS A IGREJA PASSOU A SER COMPLETAMENTE REVITALIZADA, POR APROVEITAR A RESTAURAÇÃO

RESTAURAÇÃO FOI UMA REAÇÃO CONTRA A REVOLUÇÃO QUE CARACTERIZAVA A EUROPA NO FIM DO SÉCULO XVIII. NOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA, O NÚMERO DE CATÓLICOS CRESCEU CONSIDERAVELMENTE, DEVIDO A IMIGRAÇÃO IRLANDESA E, MAIS TARDE, DEVIDO A IMIGRAÇÃO ITALIANA.

NA SEGUNDA METADO DO SÉCULO XIX, OS CATÓLICOS CONSTITUIRAM O MAIOR CORPO RELIGIOSO NO PAÍS. NESTA EPÓCA A IGREJA CATÓLICA NORTE-AMERICANA FOI “naturalizada” E “americanizada”, E FIUNALMENTE EM 1908, ELA FINALMENTE ALCANÇOU A MIORIDADE. PODE-SE DIZER ENTÃO QUE NO SÉCULO XIX A SUA ATITUDE REACIONÁRIA FEZ COM QUE A IGREJA CATÓLICA EXERCESSE SUA INFLUÊNCIA POLÍTICA PARA SUPRIMIR QUALQUER TENDÊNCIA LIBERAL NAS TERRAS ROMANAS.

14 – A ATUALIDADE ( 1903 – ATÉ HOJE)

NO SÉCULO XX A IGREJA CATÓLICA RECONHECEU QUE A ÉPOCA TEOCRÁTICA HAVIA PASSADO, FOI NESTE CLIMA QUE O PAPA XI ( 1922-1939) COMEÇOU A FORTALECER A IGREJA POR MEIO DAS MUITAS CORCORDATAS QUE FEZ COM DIVERSOS GOVERNOS.

A RELAÇÃO ENTRE ROMA E A FRANÇA FOI MELHORA. EM 1929, A IGREJA ROMANA FOI ELEVADA A SER IGREJA ESTADUAL DA ITÁLIA, SENDO RECONHECIDO DE NOVO O VATICANO COMO UM ESTADO ECLESIÁSTICO ( SE BEM QUE PEQUENO).

A IGREJA ROMANA AGIU COM FIRMEZA, COORDENANDO TODAS AS FORÇAS CATÓLICAS PARA A IMPLANTAÇÃO DOS PRINCÍPIOS DA IGREJA NO INDIVÍDUO, NA FAMILIA E NA SOCIEDADE SEMPRE SE VALENDO DO PROGRAMA DENOMINADO “ação católica”.

A AÇÃO CATÓLICA SERVIU PARA PROMOVER OS INTERESSES DA IGREJA. DURANTE O PAPADO DE PIO XI, O PAPA DAS CONCORDATAS, QUE TAMBÉM FOI O PAPA DAS ENCÍCLICAS ( cartas circulares ). NAQUELA ÉPOCA DE 1928, PIO XI PROIBIU CONVERSAÇÕES ECUMÊNICAS:

“A unidade da igreja só se atingiria pela volta dos protestantes para a única igreja verdadeira.”

PIO XII ACABOU COM O DOMÍNIO ITALIANO NO VATICANO, NOMEANDO CARDEAIS NÃO INTALIANOS. EM 1950 FOI PROMULGADO O DOGMA DA ASCENÇÃO CORPÓREA DE MARIA.

NO CONCÍLIO VATICANO II ( 1962-1965) A IGREJA CATÓLICA REALIZOU UMA RENOVAÇÃO DA VIDA E DA TEOLOGIA. NA VEZ DO PAPA PAULO VI ELE RECONHECEU QUE A IGREJA CATÓLICA ROMANA COMPARTILHA A CULPA A RESPEITO DAS DIVISÕES DENTRO DO CRISTIANISMO, POR OUTRO LADO, SEM CONSULTAR OS BISPOS, PAULO, EM 1964, CONFERIU A MARIA O TÍTULO DE “mãe da igreja”.

NESTE SÉCULO TAMBEM ALGUNS FRANCESES SE INTERESSARAM NA BÍBLIA, NOS “pais” MAIS ANTIGOS DA IGREJA, NA IGREJA ORIENTAL E NO MOVIMENTO ECUMÊNICO. APESAR DA OPOSIÇÃO PAPAL, ALGUNS DOS TEÓLOGOS CATÓLICOS ROMANOS MAIS RECENTES DERAM MUITA ÊNFASE NA HUMANIDADE DE CRISTO, DESACENTUANDO A IMPORTÂNCIA DE MARIA. O ATUAL PAPA ( 1990) JOÃO PAULO II, CONTUDO, EM DADO NOVO IMPULSO AO CULTO A MARIA.

TEM HAVIDO MUITOS TEÓLOGOS CATÓLICOS COMTEMPORÂNEOS QUE TEM FEITO TENTATIVAS DE RECONCILIAR A FÉ DA IGRJE ACOM O MODENRTO ENSINO DA EVOLUÇÃO. TEM-SE SURGIDO MUITAS TENÊNCIAS DENTRO DA IGREJA CATÓLICA:
MOVIMENTO CARISMÁTICO
MOVIMENTO ECUMÊNICO
TEOLOGIA DA LIBERTAÇÃO
MARIANISMO
ENTRE OUTROS

É VISÍVEL NO MUNDO CATÓLICO A SECULARIZAÇÃO QUE SE PROCESSA EM UMA MARCHA ACELERADÍSSIMA, HOJE SÃO MUITOS OS QUE PROFESSAM SER CATÓLICOS, MAS DE FATO SÃO POUCOS OS QUE PRATICAM. A IGREJA CATÓLICA SE TORNOU UMA RELIGIÃO SOCIAL, UMA ORGANZIAÇÃO FILANTRÓPICA.

O PRÓPRIO CLERO NÃO ACEITA O QUE O PAPA FALA E O CONCEITO DO PECADO CAIU NO MAR DO ESQUECIMENTO. O FUTURO DA IGREJA CATÓLICA SEM DÚIVIDA NENHUMA SERÁ CEDER A REUNIÕES ECUMÊNICAS PARA COMPOR A MÁQUINA RELIGIOSA PREDFITA NO APOCALIPSE 18 QUE FARÁ PARTE DA BABILÔNIA, A GRANDE.

RFLEXÃO

A HISTÓRIA DO CATOLICISMO ESTÁ MUITO LIGADA COM A PRÓPRIA EXISTÊMNCIOA DO CRISTIANISMO. TEORICAMENTE, NO PAPEL AS DOUTRINAS CATÓLICAS ATÉ PARECEM BÍBLICAS, CONTUDO NA PRÁTICA É UM VERDADEIRO MERCADO DE IDOLATRIA. TALVES O MAIOR MAL DA IGREJA CATÓLICA É O FATO DELA SER MUITO TRADICIONALISTA ( VIVER FUNDAMENTADA NA TRADIÇÃO HERDADE ) E POCUO FUNDAMENTALISTA ( BASEAR SUA EXISTÊNCIA, CRENÇAS E PRÁTICAS NO QUE EXCLUSIVAMENTE A BÍBLIA DIZ).

PERCEBE-SE FACILMENTE QUE HOUVE UMA MESCLA, ATRAVÉS DA HISTÓRIA, ENTRE CRISITANISMO E PAGANISMO, RESULTANDO NESTA ENTIDADE HOJE CONHECIDA COMO “Igreja Católica Apostólica Romana”.

Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: